Como o Enem calculou as Notas


Cálculo da Nota do Enem


Questões do Enem são calculadas pela TRI

Confira abaixo as Notas Máximas e Mínimas do Enem. Na mesma data da divulgação dos resultados do Exame Nacional do Ensino Médio o MEC – Ministério da Educação divulgou as maiores e menores notas registradas no exame.

A metodologia utilizada na correção das provas objetivas do Enem é diferente da metodologia clássica. O Exame Nacional do Ensino Médio emprega a Teoria de Resposta ao Item (TRI). Nas avaliações normais, as notas são calculadas de 0 a 10 ou de 0 a 100, e a forma de chegar à nota é simples, bastando somar as questões corretas na prova.

As notas máximas e mínimas são as maiores e menores pontuações em cada uma das áreas de conhecimento do Enem (Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Linguagens e Códigos e Matemática, além da redação).

Porém, na prova objetiva do Enem, a nota não é dada somente pelo número de questões corretas, mas também levando em conta a coerência das respostas do participante diante do conjunto das questões que formam a prova. Assim, o mínimo e o máximo em cada área do conhecimento dependem das questões que compõem a prova. Dessa forma, a nota mínima não é zero e a nota máxima não é 1000.

Os valores divulgados (ver tabela abaixo) correspondem à menor nota entre as mínimas registradas e à maior nota máxima dentre as registradas por todos os participantes do Enem, nos diferentes modelos de prova de cada área do conhecimento do Exame.

A maior diferença entre a maior e a menor nota de uma mesma área foi encontrada em Matemática e suas Tecnologias, com 277,2 e 955,2. Nas provas Linguagens, Códigos e suas Tecnologias a menor nota registrada foi 295,2 e a maior foi 817,9.

NOTAS MÁXIMAS E MÍNIMAS ENEM: Mínimo / Máximo
Ciências Humanas e suas tecnologias 295,6 / 874,9
Ciências da Natureza e suas tecnologias 303,1 / 864,9
Linguagens e códigos e suas tecnologias 295,2 / 817,9
Matemática e suas tecnologias 277,2 / 955,2

Os participantes que deixam a prova em branco ou erram todas as questões da prova recebem a nota mínima correspondente ao seu caderno de prova, conforme a Teoria de Resposta ao Item.

Mais informações na publicação Entenda sua nota no Enem. Guia do participante.
O Enem foi aplicado nos dias 3 e 4 de novembro e o Enem para Pessoas Privadas de Liberdade em 4 e 5 de dezembro. Os gabaritos foram liberados no dia 6 de novembro. A consulta pedagógica às redações estará disponível no dia 6 de fevereiro próximo.

Nenhum estudante pode tirar nota zero nas provas objetivas por causa da TRI – Teoria de Resposta ao Item. É possível obter nota zero somente na redação do exame, que não segue esta metodologia da TRI. Portanto, as menores notas possíveis de serem obtidas pelos estudantes são as mínimas divulgadas pelo MEC.

O presidente do Inep, Luiz Cláudio Costa, entende que “é um direito do participante conhecer o sistema de correção utilizado no Enem, já que pelo resultado alcançado ele pode se candidatar a vagas em Instituições Públicas de Ensino Superior e a programas do Governo como, por exemplo, o Programa Universidade para Todos (Prouni) e o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies)”.

A partir de fevereiro os estudantes que participaram do Enem terão acesso ao espelho de correção da redação, que será disponibilizado no site oficial do INEP – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira.

O resultado do Enem foi disponibilizado para consulta logo no início da manhã da última sexta-feira, 28 de dezembro. Na parte da tarde foram divulgadas as notas máximas e mínimas.

A menor nota em Ciências Humanas e suas Tecnologias foi 295,6. A maior foi 874,9. Esta foi a área que teve maior crescimento das notas em relação ao Enem. No ano passado as notas foram 252,6 e 793,1 nesta área.

Em Ciências da Natureza e suas Tecnologias a maior nota foi 864,9. Dessa forma a nota máxima ficou no mesmo patamar do Enem (867,2). Já a nota mínima cresceu consideravelmente em relação ao ano passado. foi de 265 e de 303,1.

Já na redação houve estudantes que fecharam a prova (1.000) e também aqueles que zeraram. A metodologia da Teoria de Resposta ao Item se baseia em um modelo que leva em conta não apenas o percentual de acertos dos estudantes, mas a dificuldade de cada questão do Enem. Dessa forma, participantes com mesmo número acertos podem ter resultados individuais diferentes.

Estudantes que ainda não tenham consultado seus resultados deverão acessar a página http://sistemasenem2.inep.gov.br/resultadosenem/ e informar CPF ou número de inscrição além da senha cadastrada no Enem. Em caso de perda será possível recuperar dados na mesma página, nas opções “Consultar Nº de Inscrição” e “Recuperar Senha”.

Revise para o Vestibular e Enem – Garanta sua vaga com o Vestibular1 Prepare-se para o vestibular com vestibular1, revisando para as primeiras fases e antecipe o aprofundamento para as fases seguintes. Se você quer garantir sua aprovação na prova do vestibular, precisa se antecipar no aprofundamento das disciplinas prioritárias para a área de conhecimento que você quer ser graduado. No Vestibular1 você pode fazer tudo isso desde já, revisando consoco e ainda pode treinar nos exercícios e simulados disponíveis. Além de ter acesso a provas anteriores com resoluções de questões com os melhores professores e cursinhos do país. Dedique um pouco de seu tempo diário para mudar sua vida e o seu futuro. Acesse o Vestibular1 regularmente. Acesse o site:http://www.vestibular1.com.br/

Cursos OnLine oferecidos pelo Vestibular1 Mais de 100 cursos online para você estudar onde estiver! É tudo via internet, você faz o seu tempo. Cursinho OnLine com aprovação em diversas universidades. Visite o site e conheça os cursos no link: http://www.iped.com.br/cursos/vestibular1

Equipe do Vestibular1
 
http://www.vestibular1.com.br/

Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: